Atendimento domiciliar

Quando a doença impede você de buscar ajuda psicológica,
o atendimento domiciliar é a melhor solução.

A doença é uma situação para a qual ninguém está preparado. Quando surge, junto com a instabilidade orgânica vêm os transtornos psicológicos: o medo do desconhecido, a ansiedade, a fragilidade emocional.  É um momento ameaçador em que é preciso equilíbrio para lidar com a doença, o tratamento e a mudança repentina da vida.
Na maioria das vezes, a doença física potencializa o sofrimento psicológico, que tende a aumentar se o transtorno não for tratado devidamente. Pessoas com doenças súbitas ou crônicas, portadoras de depressão ou pânico e idosos, muitas vezes não buscam um atendimento psicológico adequado devido à dificuldade de sair de casa que a limitação da doença impõe.
E, num momento em que mais precisam de apoio emocional, acabam passando por um sofrimento para o qual não conseguem alívio, porque não têm condições físicas de se locomover até o consultório de psicologia.
A boa notícia é que nosso consultório passou a realizar o Atendimento Psicológico Domiciliar, uma opção para que pessoas com impedimento físico ou psíquico de locomoção tenham acesso a um tratamento contínuo, idêntico ao que é realizado em consultório. Neste caso, nossa psicóloga realiza a sessão de terapia na residência do cliente, nos dias e horários determinados previamente.
Existem alguns ajustes para adaptar a sessão de psicoterapia à casa do cliente e sua privacidade, que levam em conta o ambiente familiar, as condições do local, as pessoas do convívio do paciente, outros profissionais que estejam realizando cuidados médicos.

Benefícios do Atendimento Psicológico Domiciliar

Para a pessoa que se encontra fisicamente debilitada e emocionalmente fragilizada, a psicoterapia em casa traz uma série de benefícios:

  • Evita estresse e desconforto causados pela dificuldade de locomoção.
  • Aumenta a segurança por estar em seu ambiente.
  • Tranquilidade por estar recebendo tratamento adequado.
  • Fortalecimento emocional para lidar com a doença e a recuperação.
  • Comodidade aos familiares que não têm tempo disponível para acompanhar seu parente ao consultório.

No contexto do ambiente familiar, nossa psicóloga realiza as sessões de acordo com os princípios éticos e de confidencialidade do Conselho Regional de Psicologia, propondo condições dignas e apropriadas à natureza desse serviço. Tudo com o consentimento do nosso cliente e/ou seus familiares.
Ao instituir em nossa clínica a psicoterapia domiciliar, procuramos oferecer às pessoas a possibilidade de buscar em si a força e os recursos necessários para enfrentar e superar o momento emocional crítico que toda doença traz. A limitação que uma doença causa não pode impedir ninguém de ter um atendimento psicológico adequado.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *